domingo, 12 de novembro de 2017

AQUELE QUE FALA NA CARA ACABA SENDO VÍTIMA POR SER VERDADEIRO

NOTA POLÍTICA
Maristela Farias – Jornalista DRT 1778/PE
“AQUELE QUE FALA NA CARA”, QUE NÃO MEDE AS PALAVRAS, O REALISTA, ACABA, INJUSTAMENTE, SENDO VÍTIMA POR SER VERDADEIRO.” (copiei e não sei quem é o autor de outra vez anoto

A imagem pode conter: 31 pessoas, multidão e atividades ao ar livre

Recebi um comentário da Cida Cardoso. Nem nos conhecemos, nem sabemos de onde somos, nem onde estamos. Mas de uma coisa estou certinha minha companheira Cida, pensamos de uma forma tão parecida que estamos juntas neste artigo que vou escrever hoje falando sobre o terror da extrema direita que esta nossa sociedade pense.
E já vou começar com seu comentário que, sem tirar uma virgulinha de lugar, retrata exatamente a função que tem a extrema direita: ser útil para o mercado e para o governo golpista: usar os seus “patos” e “patolas” para criminalizar a esquerda e transformar a luta pela liberdade e pela justiça, em uma falácia e seus sinônimos, que muitas vezes nem sabem o significado: falsidade, mentira, engano, fingimento, hipocrisia, insinceridade, trapaça, logro, engodo, burla, ardil, léria, lábia, falseta e por aí vai.
Segundo comentado pela Cida Cardoso, “Esses que chamam o Lula e os movimentos sociais e sindicais de vagabundos, não são intelectuais, são a massa de manobra, a classe "merdia", que são manipulados e enganados pela elite ( os 5% mais ricos do país), são os cachorrinhos de madame, um bando de babacas que acredita na "ameaça comunista", e prefere sofrer os desmandos desse desgoverno, prefere beijar os pés dos americanos, do que lutar por uma nação forte e soberana.
Os intelectuais são esses aí que estão nas ruas, pois não acreditam nas manipulações da mídia golpista e têm consciência que o golpe de estado não foi contra a corrupção, ao contrário, foi um passe livre para a verdadeira quadrilha entrar no poder e saquear o país, eles sabem que os americanos queriam nosso petróleo e com o PT no poder não conseguiriam...
Eles não abaixam a cabeça quando retiram direitos trabalhistas, quando vendem nosso petróleo a preço de banana, quando vêem o governo comprando votos de deputados corruptos, enquanto retira verba da educação, saúde, fazendo a farra com o dinheiro do povo...
Já os cachorrinhos de madame, acreditam piamente que Temer é um mal necessário, ficaremos pobres mas nunca comunistas, e não se dão conta que empresas brasileiras estão sendo vendidas também para China, é um combo de ignorância!!! “
E exatamente como premeditado Cida, estão se aproveitando das condições socio-históricas da democracia hoje, onde uma massa de manobra, pseudamente desencantada, desorientada e descontente, que não sabe, nem quer ser leal. São apenas os “coxas”, que se você for procurar no Google, como fiz agora, vai encontrar como significado: falha, imperfeita, incompleta, aleijada, manca, renga, trôpega.
O que não podemos mesmo, é calar. Devemos nos articular, comentar, compartilhar, vivenciar cada luta de cada companheiro, até porque tudo que está diante de nós, não é um cenário onde uma emissora de televisão como a Globo que quer nos fazer engolir um garoto propaganda de banco tipo Hulk ou um troglodita de extrema direita como Bolsonaro e outros que estão se apresentando. O que temos cercando nosso povo é toda uma máquina midiática amparada por entidades e associações de patrões, simbolizadas pelo pato.
Nossa atividade política não pode dispensar a existência da extrema direita e fazer que nos fixemos apenas em nosso Luiz Inácio Lula da Silva. Existe uma plêiade de problemas e traições que nos miram e querem nos tragar para o abismo provocado pelo impeachment da Presidenta Dilma e pela obssessão de um juiz pago com nosso dinheiro e aliado da extrema direita e que a todo custo deseja sejamos embriagados pelo ódio. Isso nós vamos deixar pra eles. Nós temos que pensar com objetividade para que elejamos Lula Presidente em 2018.
Temos que deixar a retórica para eles. Devemos ser pragmáticos e o nosso pragmatismo nos dá a certeza do que queremos.
Como tenho um defeito de copiar algumas frases, encontrei esta: “aquele que fala na cara”, que não mede as palavras, o realista, acaba, injustamente, sendo vítima por ser verdadeiro.”
Um abraço Cida Cardozo
Postar um comentário